Você pode pensar que para se filiar ou desfiliar a um partido político é um processo penoso e demorado.

Contudo, é mais simples do que imagina.

Confira no artigo abaixo quais as são formas, e caso queira sair da condição de eleitor e se tornar um deputado, já sabe como fazer.

Para se filiar ou desfiliar a um partido político você deve estar quite com a justiça eleitoral

É simples, mas você deve cumprir alguns requisitos antes, e a Certidão de Quitação Eleitoral é uma delas.

Estar quite com a justiça eleitoral é uma forma de comprovar que você votou certinho nas últimas eleições.

E se não votou, justificou os motivos de sua ausência.

Não sei se você sabe, mas quando você deixa de votar, perde uma série de direitos, como ser nomeado em concurso público, fazer passaporte e outros.

Dependendo do caso, você pode levar até uma multa.

Muito cuidado, pois o simples fato de não votar implica em uma série de problemas que presumo você não vai querer viver.

E além disso, não nos esqueçamos, para se filiar ou desfiliar de algum partido, você não pode estar com nenhuma destas pendências.

Para pegar a certidão de quitação eleitoral é muito fácil.

Basta acessar este link: http://www.tse.jus.br/eleitor/servicos/certidoes/certidao-de-quitacao-eleitoral

E fornecer as informações solicitadas.

Como se filiar a um partido político?

Para se filiar a um partido político você tem duas opções.

Ou comparece a um diretório municipal do partido escolhido, que é nada mais que o órgão que o administra.

Ou pode ainda preencher o formulário de filiação que consta nos sites dos partidos políticos registrados no TSE.

Aqui você encontra todos os partidos políticos: http://www.tse.jus.br/partidos/partidos-politicos/registrados-no-tse

Em qualquer das hipóteses, como falamos acima, você deve estar quite com a justiça eleitoral, e deverá fornecer algumas informações pessoais, como nome completo, CPF, número do título de eleitor, zona e seção eleitoral e endereço.

 Perdi meu título de eleitor, e agora?

Para aqueles que perderam o título de eleitor e não sabem o número do título ou da zona e seção, basta acessar este link: https://tribunaregiao.com.br/como-descobrir-o-numero-do-titulo-de-eleitor/

Ao consultar por nome, você informa o nome completo, nome da mãe e data de nascimento.

Com isso, será direcionado para a página onde consta a identificação com o número da inscrição e o seu nome.

E no Domicílio Eleitoral, você terá acesso à zona e seção, além do local onde vota.

Após realizar sua filiação, você pode confirmar se ela foi concluída por este site:

http://filiaweb.tse.jus.br/filiaweb/

Com se desfiliar de um partido político?

A solicitação de desfiliação deve ser realizada por meio de um comunicado escrito informando os motivos ao diretório municipal do partido, e ao juiz eleitoral da zona          onde está inscrito.

Aqui você pode encontrar o endereço do seu partido para encaminhar a correspondência:

http://www.tse.jus.br/partidos/partidos-politicos/registrados-no-tse

Aqui você pode tomar conhecimento da zona onde está inscrito.

Mas a desfiliação não ocorre apenas se o filiado pede, pode também ocorrer com sua morte ou em caso de expulsão, entre outros.

Sua desfiliação deverá ocorrer em 2 dias, após realização do pedido.

O objetivo do site Belezapura é sempre trazer informações e novidades para você. Fique atendo às nossas matérias pois sempre traremos novidades para os nosso leitores!

 

casal sexo quatro paredes

Sexo é um assunto sempre instigante e sempre muito controverso. Em cada cultura, em cada país, ele é tratado de uma forma particular. E mesmo dentro de uma mesma cultura, uma mesma cidade, o sexo é visto de ”n” modos diferentes. O que é interessante e prazeroso para uns nem sempre é interessante e prazeroso para outros. Uma pergunta, por exemplo, que sempre persegue as pessoas, mesmo aquelas que se consideram esclarecidas e liberais, é se vale tudo entre quatro paredes.

O fato é que não existe exatamente uma resposta definitiva. Vale e não vale. A resposta pode parecer ambígua, inconclusiva. Mas é a mais pura realidade. Entre quatro paredes, a sua permissão vai até onde o seu parceiro ou sua parceira permitir. O prazer do sexo necessita de compartilhamento, de troca, de entrega. Se apenas um dos participantes tem prazer, com certeza não haverá satisfação e quando não há satisfação, há frustração. No sexo, ninguém deve ser apenas coadjuvante. Os dois precisam ser protagonistas.

É por isso que a resposta de ‘se entre quatro paredes vale tudo’ é tão complexa. Veja. Há pessoas que adoram o arroz com feijão, e o máximo de ousadia que se permitem é fazer uma ou outra variação de posições no momento do ato sexual. Preferem o sexo básico, sem grandes inovações.

Há os que adoram as fantasias, os complementos, os fetiches, as variações. Fazem de cada relação sexual um momento especial, transformando-o praticamente em um evento. Quem está certo? Todos estão certos, desde que respeitem o parceiro.

A verdade é que cada pessoa, cada casal precisa encontrar o seu ponto de equilíbrio e de prazer mútuo. O sexo pode ser desfrutado de infindáveis formas. Há casais que se tornam tão amigos, mas tão amigos, com uma convivência tão tranquila e estável, que o sexo acaba se transformando num ato importante, mas não essencial à relação. Essas pessoas, muitas vezes, deixam de buscar as infinitas possibilidades de prazer a dois que o sexo pode oferecer independente da idade. Mas é sempre bom estar alerta, pois muitas vezes quando tudo está bem, nada está bem. A acomodação pode se transformar em um enorme mal para as relações.

Já outros casais preferem viver a sexualidade de forma mais intensa, usando a criatividade para melhorar a vida sexual. Até a reconciliação depois daquela briguinha pode ser transformada numa motivação a mais para o sexo ficar mais prazeroso.

botijão de gás

INÍCIO DO BOTIJAO DE GÁS GLP

A utilização do Botijão de gás GLP no Brasil começou em 1937, quando o imigrante austríaco Ernesto Igel comprou 6 mil cilindros de gás propano, que serviam de combustível para dirigíveis, e começou a comercializar o produto para cocção por intermédio da Empresa Brasileira de Gaz a Domicílio.

Na época, a maioria da população utilizava fogões à lenha. Em 1938, o uso do Botijão de gás GLP começa a se difundir e cria-se o Conselho Nacional do Petróleo (CNP), que estabeleceu como de utilidade pública as atividades relacionadas ao abastecimento nacional de petróleo e seus derivados.

botijão de gás

botijão de gás

Com o início da produção de Botijão de gás GLP pela Petrobras em 1955, houve grande impulso às atividades de distribuição do produto. De 1954 a 1990, a política de preços do GLP e de outros energéticos considerados prioritários, fosse por questões inflacionárias ou por motivações sociais, foi marcada pela intervenção governamental, pautada no tabelamento e uniformização de preços em todo o Brasil, por meio de subsídios cruzados sobre o transporte e sobre o próprio produto.

Essa política mostrou-se extremamente eficiente para a universalização do GLP, favorecendo o consumo do produto nas zonas mais pobres e remotas do Brasil. Graças a ela, o GLP chegou a 100% dos municípios brasileiros e a mais de 95% das famílias.

Hoje em dia o mercado é livre, onde as distribuidoras atuam de maneira competitiva beneficiando sempre o consumidor, que tem o poder de escolher com quem deseja comprar.

EVOLUÇÃO DO CONSUMO DE BOTIJAO DE GÁS GLP

De acordo com a ANP o mercado brasileiro de Botijão de gás GLP sofreu uma queda significativa em 2001 com a entrada do Gás Natural no País, mas esse quadro tem se revertido e em 2014 bateu-se o recorde histórico de volume de GLP vendido, alcançando a marca de 7,421 milhões de toneladas, no ano de 2016 o consumo brasileiro de Botijão de gás GLP cresceu, chegando a 7,396 toneladas.

Em 2017 o mercado consumiu 7,389, ficando praticamente estável em relação ao ano anterior. Adiante, veremos gráficos dos últimos 10 anos sobre a demanda de Botijão de gás GLP no país. Neles pode-se observar que o crescimento acumulado de embalagens de Botijão de gás até 13kg nos últimos 10 anos foi de 9,16%, o que é considerado um crescimento vegetativo, ou seja, ele vem acompanhando o crescimento da populacional, no entanto, no volume comercializado a granel se observa um crescimento de 17,05%, no mesmo período.

O consumo de Botijão de gás GLP em tonelada cresceu 11,12% nos últimos anos.

botijao de gás GLP

Botijão de gás GLP

O seguro DPVAT (Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres) se trata da taxa obrigatória que deve ser paga por todos os proprietários de veículos terrestre do país, anualmente. É um serviço importante que cobre despesas médicas de acidentes de trânsito e indeniza casos de invalidez permanente e morte – se estendendo a todas às vítimas envolvida: motoristas, passageiros e pedestres.

Para acionar o seguro DPVAT, no caso de acidentes com vítimas, é preciso providenciar e entregar as documentações necessárias. Atualmente, a empresa encarregada por administrar o seguro dpvat é a Seguradora Líder.

Quais documentos necessários para acionar o seguro dpvat

DOCUMENTOS PARA ACIONAR O SEGURO DPVAT

 

No caso de reembolso para despesas Médicas os envolvidos no acidente de trânsito, que tiveram de passar por procedimentos médicos e/ou odontológico, em virtude do ocorrido, devem entregar os documentos:

 

  • Boletim de Ocorrência (BO) ou um Registro de Ocorrência Policial (originais ou cópias autenticadas em cartório), que são concedidos pelos órgãos autorizados a emitirem esse tipo de registro, como: Polícia Rodoviária Federal, Federal, Civil, Militar e Bombeiro Militar;

No BO ou no Registro de Ocorrência devem constar: a assinatura de uma autoridade (agente policial, delegado ou escrivão), dados de quem pediu o documento (nome, RG, endereço e CPF), identificação do veículo que causou danos à vítima – se for possível – (número da placa, chassi e nome do proprietário do automóvel), dados completos de testemunhas, informações sobre o acidente (dia, local e horário), pequena narrativa de como ocorreu o acidente.

  • Comprovante de despesas médicas/hospitalares/odontológicas originais, descrevendo procedimentos, cirurgias, colocação de próteses ou órteses, exames, etc;

 

  • Laudo do médico e/ou dentista referente ao diagnóstico decorrido do acidente e sobre os procedimentos necessários a serem realizados com a vítima – constando assinatura, carimbo e número do registro do profissional que atendeu a pessoa;
  • Documento oficial do hospital, clínica ou laboratório, descrevendo os procedimentos realizados – se houverem;
  • Comprovante de despesas com a aquisição de medicação, acompanhado da receita médica/odontológica para reembolso pelo seguro DPVAT;

 

  • RG da vítima;

 

  • CPF da vítima;

 

  • Comprovante de residência da vítima;

 

No caso de Invalidez Permanente, caso a vítima se torne inválida permanentemente, em virtude do acidente, deverá providenciar e entregar:

 

  • Boletim ou Registro (BO) ou Ocorrência Policial – originais ou cópias autenticadas – emitido por autoridades como: Polícia Federal, Polícia Civil, Rodoviária Federal, Polícia Militar e Bombeiro Militar;

No BO ou Ocorrência Policial devem contar as seguintes informações: dados e assinatura da autoridade que emitiu o documento (delegado, agente policial ou escrivão), dados de quem comunicou o fato (nome, RG, CPF e endereço), se houver, os dados do automotor que provocou o acidente (número da placa, chassi, nome do proprietário), dados completos da vítima (nome, RG, endereço e CPF), dados de testemunhas, dados do acidente (data, horário e local), relato do acidente.

 

  • RG da vítima;

 

  • CPF da vítima;

 

  • Comprovante de endereço da vítima;

 

  • Laudo médico detalhado e devidamente assinado e carimbada, relatando a situação de invalidez permanente da vítima – para que ela venha a ser indenizada pelo seguro DPVAT;

 

Em casos de morte, para acionar o DPVAT é preciso providenciar as seguintes documentações:

 

  • Atestado de óbito;

 

  • RG e CPF do falecido;

 

  • Comprovante de endereço do falecido;

 

  • Se a vítima era casada, certidão de casamento;

 

  • Se a vítima era divorciada, comprovante de divórcio;

 

  • Se a vítima era viúva, certidão de óbito do cônjuge falecido;

 

  • Documentos do cônjuge vivo, para receber a parte da indenização do seguro DPVAT que lhe cabe, como: RG, CPF e comprovante de endereço;

 

  • Caso existam herdeiros legais (como filhos), documentos deles são também necessários: RG, CPF e comprovante de endereço

 

  • Boletim de Ocorrência (BO) ou Registro de Ocorrência emitido por policial ou militar competente, informando dados sobre o acidente.

 

Vale ressaltar que se a vítima falecida não tinha cônjuge ou herdeiros diretos, um juiz pode definir o primeiro herdeiro vertical ou lateral a receber a indenização referente ao seguro DPVAT.

Em 2017, a Secretaria de Segurança Pública Estado de São Paulo informou à imprensa que cerca de 4 mil carros foram roubados ou furtados por mês no estado paulista. Um número bastante alarmante se analisarmos bem. E para proteger o seu veículo, nada melhor do que contar com um rastreador veicular, como os rastreadores de uma empresa experiente nesse mercado, e uma boa indicação seria a Suhai.

A Suhai é uma empresa que oferece serviços de rastreamento veicular, com experiência de mais de 25 anos. A seguir, você poderá conhecer melhor as vantagens de contratar o rastreador Suhai e manter a segurança do seu veículo em primeiro lugar sempre.

vantagens rastreador Suhai

Vantagens do Rastreador Suhai

 

A Suhai é especializada em rastreadores veiculares para frotas de veículos. Com isso, os proprietários das frotas têm os seus veículos protegidos, além de cargas transportadas protegidas, e pode monitorar ouso do combustível pelos funcionários da frota, gerando economia. Veja como:

 

  • Rastreamento e monitoramentos de frotas 24 horas por dia, 7 dias por semana;

 

  • Monitoramento dos veículos por todo o território nacional, com a tecnologia GPRS (Serviços Gerais de Pacote por Rádio);

 

  • Acompanhar, em tempo real, a movimentação de seus veículos, pelo site da Suhai;

 

  • Profissionais especializados na recuperação de veículos roubados ou furtados;

 

  • Sistemas de bloqueamento de veículos roubados ou furtados, fazendo com que o assaltante abandone o automotor;

 

  • Serviço de localização de veículos, permitindo ao proprietário recuperar o seu bem;

 

  • Parceria com serviços de segurança pública, caso o veículo seja roubado com o motorista ao volante, garantindo a segurança do condutor;

 

  • Central de Atendimento ao Cliente 24 horas;

 

  • Definição de rotas para frotas;

 

  • Monitoramento de rotas seguidas pelos veículos da frota;

 

  • Definição de rotas por trajetos mais seguros, oferecendo mais segurança aos veículos, cargas e condutores;

 

  • Sistemas de alertas por e-mail, internet e SMS, caso exista alteração da rota determinada e passada para o condutor do veículo;

 

  • Sistema de alarme via e-mail, internet e SMS no caso de roubo, furto ou qualquer situação estranha que venha acontecer com o veículo;

 

  • Economia de até30% de combustível, ao definir as rotas mais curtas para a chegada do veículo da frota ao destino, entre outras vantagens.

 

Rastreadores oferecidos pela Suhai

 

Rastreador para Frota de Motos

A Suhai oferece um serviço exclusivo para você que tem frota de motos. O equipamento é leve e se adapta a qualquer modelo e marca de motocicleta.

As motocicletas da frota são monitoradas 7 dias da semana, por 24 horas. No caso de roubos, furtos e qualquer situação estranha, os serviços de rastreamento, bloqueio, segurança e recuperação de veículos entram em ação, protegendo o seu bem, as cargas transportadas e o condutor.

Os veículos da frota também são monitorados em relação a rotas pré-definidas. Caso a motocicleta desvie do caminho, o proprietário é imediatamente informado por e-mail ou celular.

O cliente ainda pode acompanhar toda a movimentação de seus veículos online, pelo site da empresa.

 

Rastreador para Frotas de Veículos

Os veículos da sua frota estarão bem mais protegidos com o rastreador Suhai. Isso porque ele será monitorado constantemente. Qualquer evento adverso que venha acontecer com o veículo, os sistemas de localização, segurança e bloqueio da Suhai são acionados – protegendo o seu bem, o condutor e as cargas.

O proprietário da frota ainda tem a possibilidade de acompanhar o andamento de seus veículos. Isso em tempo real, pelo site da Suhai.

Também são pré-definidas e monitoradas rotas mais econômicas e mais seguras para serem adotadas pelos veículos da frota. Qualquer desvio de caminho, o cliente é informado.

 

Rastreador para Utilitários e Caminhões

Utilitários e caminhões também podem contar com a segurança do rastreador Suhai – visto que esses tipos de veículos costumam transportar grandes volumes de carros ou mesmo pessoas.

Qualquer suspeita com os veículos da frota, a Suhai informa o cliente e realiza o bloqueio, a segurança e a localização do veículo. Com isso, cargas, passageiros, condutor e o veículo ficam em segurança.

Além disso, é possível economizar com combustível, por meio do serviço de definição de rotas mais curtas. A segurança também fica garantida, pois, as rotas incluem os trajetos para seguros para os veículos da frota trafegarem.

Também é possível acompanhar, em tempo real, a movimentação dos veículos da rota – por meio do site da Suhai.

O Algar Speed Test é um medidor de velocidade de internet que permite ao internauta, acessar dados precisos sobre o sinal e qualidade da internet, dessa forma, é possível verificar se ele está ou não recebendo pelo que está pagando para a operadora. Esse teste é muito importante para que o uso de internet consiga ser perfeito e nenhum site seja prejudicado por uma velocidade ruim do sinal.

Todos nós fazemos um consumo muito grande da web em nossas vidas, seja no trabalho, ou então para diversão, conversar com os amigos, ficar informado, seja qual for o uso da internet, é fundamental ter uma velocidade razoável para que os sites que nós acessamos possam funcionar perfeitamente.

Muitos sites acessados todos os dias por nós são diretamente influenciados pela qualidade do sinal e também pela velocidade da internet que recebemos em nossa casa. Por isso, fazer o Algar Speed Test é uma forma de medir o quanto nossa internet está rápida e se realmente você recebe aquilo que paga para sua operadora.

importancia speed test algar

O que o Algar Speed Test informa?

 

O Algar Speed Test informa aos internautas que realizam o teste, quatro informações muito importantes e por elas você consegue analisar a qualidade do sinal da sua internet. Essas informações são, ping, jitter, velocidade de download e também velocidade de upload. Com esses dados você consegue ter noção da força da sua internet.

O ping é o primeiro número informado, ele basicamente informa ao internauta a velocidade em que ocorre a troca de informações entre sua máquina e outros servidores. Já o jitter é usado para medir a taxa de atraso em que sua máquina recebe essas informações. Esses dois números precisam ser baixos para que sua internet esteja funcionando bem.

A velocidade de download é o que influencia o carregamento de vídeos, no download de músicas, filmes, no uso de aplicativos como Netflix e Spotify. Esse número é o que realmente mede sua internet, por isso o número que aparecer no Algar Speed Test deve ser o mesmo pelo qual você contratou a sua internet junto a operadora.

Por fim nós temos a velocidade de upload, que costuma ser bem menor que a velocidade de download, mas também é muito importante, pois ela influencia na hora de enviar fotos, carregar arquivos na nuvem ou então fazer o upload de vídeos para sites como youtube ou instagram.

 

Minha internet está lenta, qual pode ser o problema? O que devo fazer?

 

Ao perceber que alguns sites não estão funcionando da forma correta, seja com vídeos travando ou fotos não carregando, está na hora de fazer um teste de velocidade com o Algar Speed Test. Caso você perceba que o sinal está ruim e sua internet realmente está mais lenta do que deveria, é preciso tomar alguma atitude para mudar a situação.

O ideal é chamar um especialista ou entrar em contato com sua operadora, o problema pode ser com algum equipamento da operadora, um vírus que está prejudicando o seu computador, um fio solto ou alguma peça quebrada no seu modem.