Drenagem linfática e preenchimento facial

Drenagem linfática facial

Você já acordou sentindo seu rosto inchado, principalmente na área dos olhos? Este problema é mais comum do que você pensa e está associado a diversas questões físicas. O agravante mais comum é o excesso de líquidos e toxinas no corpo. Hoje, apresentamos um procedimento não invasivo que pode ajudá-la a prevenir e amenizar este problema: a drenagem linfática facial.

O tratamento estético não é exclusividade das áreas com gordura localizada, ele também é perfeito para tratar a pele do rosto e a retenção na área.

A técnica ativa a circulação, deixa os músculos mais relaxados e estimula o corpo a expelir as toxinas que estão acumuladas e ajudam a causar as linhas de expressão. A pele fica revitalizada, mais macia e sedosa; em alguns casos acontece, até, a amenização de olheiras. As incômodas bolsas nas áreas dos olhos também ficam menos aparentes após o procedimento.

Os passos são semelhantes aos feitos no restante do corpo, com movimentos firmes, mas suaves. As mãos do profissional deslizam por toda a face e pescoço para estimular a abertura dos gânglios e, depois, ele inicia a massagem com mais pressão em todo o rosto. Os benefícios aparecem devido à melhora na circulação do sangue. A drenagem dura, em média, 20 minutos e apresenta melhores resultados a cada sessão.

Não existem contra indicações, inclusive o tratamento é recomendado por profissionais durante o pós-operatório, pois ajuda a diminuir a compressão de líquidos, estimulando o organismo a eliminá-los mais rapidamente.

A drenagem linfática facial deve ser realizada por um profissional de estética qualificado, que analisará seu tipo de pele e determinará quantas sessões são necessárias para atender suas expectativas.

Preenchimento facial com PMMA

A medicina moderna oferece cada vez mais opções para quem deseja retardar os efeitos da idade e ficar com uma aparência mais jovem. O preenchimento facial com PMMA é a novidade da vez e se tornou uma das técnicas mais utilizadas.

Ao contrário dos métodos tradicionais – que utilizam substâncias orgânicas como o ácido hialurônico e o colágeno para moldar o rosto – o preenchimento com PMMA é feito com um produto composto por microesferas de um tipo de plástico.

Por isso, o organismo não absorve naturalmente o PMMA e os preenchimentos têm efeitos permanentes no corpo. Além disso, o procedimento para a aplicação é simples e não necessita de cortes ou anestesias. Essas características fizeram o procedimento se tornar muito popular.

Apesar dos resultados rápidos e sem dor, especialistas alertam para alguns perigos causados pelo uso indiscriminado do PMMA. Em alguns casos, o produto é aplicado em quantidades excessivas ou não tem qualidade garantida, o que pode causar sérias infecções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *