As primeiras rugas apareceram, a pele não está mais tão viçosa e forte como antigamente e aquelas gordurinhas extras no abdômen e no quadril estão incomodando melhor do que de modo algum?

Qualquer desses motivos isoladamente é satisfatório para correr para o consultório do clínico plástico. Há uma série de elementos a serem considerados antes de optar pela intervenção plástica.

Na medicina, há várias variáveis que contribuem para uma recomendação cirúrgica. É necessário enfatizar que nem sempre a precocidade da interferência traz um resultado benigno.

Com o aumento da dermatologia, há vários procedimentos não-cirúrgicos, como lasers e peelings, que são capazes de reparar pequenas deformidades sem a urgência de realizarmos uma cirurgia plástica.

Veja quais são as práticas indicadas pelo Cemes Centro Médico Social:

Prótese de silicone nos seios

Não é a idade que vai distinguir o limite para a colocação das próteses, porém a personalidade de sustento da pele.

No momento em que a mulher inicia a se incomodar com as imperfeições no busto formadas pelo tempo, pela gestação ou devido a um grande emagrecimento, esse é o tempo certamente para esta paciente. Não há urgência de reduzir-se a paciente a um técnica cirúrgico estético somente por causa de à recomendação do próprio clínico, se, profundamente, ela está satisfeita com o próprio corpo.

Para as mais jovens, o ideal é que a intervenção seja realizada somente após a emancipação. Um dos métodos médicos é que as novas tenham acertado a altura média da família e já tenham letras sexuais, como o progresso das mamas e o começo de pêlos pubianos.

Já para as que acabaram de ter um bebê, o melhor é julgar na intervenção, ao menos, seis meses depois de o aleitamento. É fundamental advertir que mulheres que também pretendam ter filhos não são as mais indicadas para corporificar a intervenção.

Um novo tempo de amamentação pode obrigar uma nova intervenção.

Plástica no rosto e no pescoço

Para as plásticas de rosto e pescoço, a idade é o coeficiente preponderante para a prática da intervenção plástica.

Não há recomendação de plástica no rosto e pescoço para jovens de 25 anos, por exemplo, é necessário ter a flacidez essencial para uma recomendação cirúrgica.

Porém há algumas exceções: mulheres que tenham havido complicações sérios de espinha na juvenilidade são capazes de entregar flacidez no frente na banda de 30 anos. Nestes casos, o técnica cirúrgico pode ser executado antes dos quarenta anos.

Lipoaspiração

Como a lipoaspiração não é princípios de emagrecimento, os próprios Conselhos de Medicina condenam o técnica para esse fim e estabelecem um divisa de afastamento princípio de gordura de até 7% do peso do corpo. Sua recomendação, então, é conformizar o desenho do corpo.

Dessa forma, a momento pela certa para fazê-la é no momento em que já se perdeu os quilos extras e os treinos físicos não resolveram o dificuldade de gordura localizada. A intervenção não precisa ser feita em pacientes com contrapeso e bastante pouco em pacientes bastante jovens, como adolescentes.

É necessário enfatizar similarmente que a lipoaspiração é indicada para que pessoas não possui complicações de flacidez. Quem possui excesso de pele na abdômen, por exemplo, precisa optar pela plástica de abdômen. Porém, é essencial continuar praticando exercícios físicos 

Nariz

Como em todas as outras cirurgias plásticas, é fundamental que a paciente tenha acertado seu progresso completo para que o profissional possa avaliar melhor a equivalência que necessita ser corrigida.

Essa madurez frequentemente se atinge com a emancipação, constantemente respeitando a ofício respiratória da paciente.

Misturar ou não as cirurgias

Relacionar a intervenção plástica plástica a mais procedimentos cirúrgicos com recomendação médica pode resultar vantagens como economia de tempo e somente um processamento de recuperação.

Porém a decisão de misturar as duas coisa precisa ser bem criteriosa. Essa associação apenas é válida para cirurgias mais simples, como alguns procedimentos ginecológicos, em que não haja problemas ou suspeitas de malignidade.

De qualquer maneira, a prevalência precisa ser constantemente a parte médica e, ao demonstração de qualquer dificuldade, a plástica precisa ser interrupção.

Recomendações gerais

Em qualquer ciclo da vida, antes de se optar pela intervenção plástica, o atenção na escolha da clínica e do profissional no qual o técnica será executado são fundamentais.

Buscar um profissional com título em Intervenção Plástica é necessário. Substituir informações com ex-pacientes do clínico apurado e pesquisar aos mais próximos se conhecem e aprovam o trabalho do profissional similarmente pode reduzir riscas.

Quando seu desejo sexual despenca, pode ser difícil apontar o porquê. Poderia ser baixa testosterona? Hormônios flutuantes devido à gravidez ou menopausa? Fadiga ou estresse de um novo emprego? Ansiedade ou depressão? Todos esses fatores podem contribuir para a baixa libido. Assim, certas condições médicas, como diabetes e câncer.

Outra questão que você pode considerar é a seguinte: poderiam ser os medicamentos que estou tomando?

Quando você inicia um novo medicamento prescrito, pode estar mais preocupado com os efeitos colaterais, como sonolência ou náusea. Mas muitos medicamentos prescritos têm efeitos colaterais sexuais, incluindo baixo desejo sexual.

Hoje, vamos dar uma olhada em três tipos diferentes de drogas que foram ligadas à baixa libido.

Antidepressivos

De acordo com o site SB SONO, depressão em si pode diminuir o desejo sexual de uma pessoa. Infelizmente, os medicamentos usados ​​para tratá-lo nem sempre ajudam. Inibidores seletivos da recaptação da serotonina (ISRSs) e antidepressivos tricíclicos podem ter efeitos colaterais sexuais.

O que você pode fazer? Converse com seu médico sobre uma mudança na medicação. Outros tipos de antidepressivos podem funcionar melhor para você. Alterar a dose também pode ajudar.

No entanto, não faça nenhuma mudança de medicação sem primeiro falar com seu médico. Alguns medicamentos precisam ser interrompidos gradualmente, sob orientação médica.

O exercício pode ajudar também. Um estudo recente na revista Depression and Anxiety descobriu que, para um grupo de mulheres com antidepressivos, o exercício ajudou a aliviar os efeitos colaterais sexuais. As mulheres que se exercitavam pouco antes de fazer sexo pareciam ter os melhores resultados. (Leia mais aqui .)

Pílulas anticoncepcionais

O efeito das pílulas anticoncepcionais no impulso sexual de uma mulher pode ser complicado. Algumas mulheres acham que perdem o interesse pelo sexo. Outras mulheres realmente vêem suas libido aumentarem.

Alguns especialistas acreditam que pílulas anticoncepcionais dificultam a produção de testosterona em mulheres. A testosterona é um hormônio sexual geralmente associado aos homens, mas o corpo das mulheres também a produz. E isso desempenha um papel no impulso sexual.

No entanto, um estudo de 2013 no Journal of Sexual Medicine descobriu que esse papel não é claro.

No estudo, os pesquisadores analisaram dois tipos de pílulas anticoncepcionais. Acreditava-se que um tipo de comprimido tivesse menos efeito sobre a testosterona; o outro não era.

Os participantes do estudo eram mulheres que acreditavam que seu baixo desejo sexual era desencadeado pela pílula anticoncepcional que usavam. As mulheres foram aleatoriamente designadas para tomar uma das duas pílulas sob investigação por seis ciclos de 28 dias.

No final do estudo, os pesquisadores descobriram que ambos os grupos de tratamento melhoraram a função sexual. Isso os levou a questionar se a testosterona era a culpada.

As mulheres que suspeitam que têm efeitos colaterais sexuais de pílulas anticoncepcionais são incentivadas a consultar seu médico. Outro tipo de pílula pode ser mais adequado. Ou, as mulheres podem precisar mudar para um método não hormonal de contracepção, como dispositivos intra-uterinos (DIUs) ou preservativos.

Finasterida (Proscar e Propecia)

O terceiro tipo de medicação de que falaremos hoje é prescrito aos homens. Ambos contêm o ingrediente ativo finasteride, mas em diferentes quantidades e para diferentes propósitos. O Proscar é utilizado para tratar problemas causados ​​por um aumento da próstata . Propecia destina-se a pacientes com perda de cabelo com padrão masculino.

Ambas as drogas têm sido associadas com diminuição da libido e disfunção erétil, que podem durar mesmo após os pacientes pararem de tomar o medicamento. Alguns homens que tomam Propecia também têm problemas com a ejaculação e o orgasmo.

Homens que sentem que seus problemas sexuais podem ser causados ​​pelo Proscar devem falar com seu urologista. Pode haver outros medicamentos e vias de tratamento para explorar a próstata aumentada.

Os homens que tomam Propecia podem considerar outros tratamentos de perda de cabelo se a baixa libido se tornar um problema.

Contornar o problema

Para contornar o problema antes de tomar remédio, você tem a opção de usar suplementos naturais. Ótimos suplementos estão disponíveis no mercado, inclusive para melhorar a ereção quando afetada pela baixo libido. O gel Macho funciona muito bem para homens, para mulheres tem o famoso tesão de vaca e outros suplementos a base de maca peruana.

A suplementos também feito de cápsulas, que funcionam muito bem para homens e mulheres que estão passando por um momento de baixa libido.

flor sino dourado

Os sinos-dourados são flores pequenas e delicadas, sendo perfeitas para decorar os jardins externos. Esta planta tem o nome científico de Forsythia x intermedia, que também pode ser conhecida pelo nome popular de Forsítia, que pertence à família Oleaceae, o que lhe confere à característica de arbusto, tendo ramagem ereta e a arqueada com caules delgados.

Muda

O sino dourado é um arbusto lenhoso e muito florido. É uma planta híbrida obtida através do cruzamento de duas espécies chinesas, a Forsythia Suspensa e a Forsythia Viridissima. 

É um arbusto de pequeno porte que pode alcançar até 3 metros de altura e 5 metros de largura. As flores surgem no início da primavera em grupos, enchendo os ramos em todo seu comprimento, quando ainda estão despidos de folhas.

Devido a seu crescimento rápido e floração exuberante, este arbusto ganha muito destaque no jardim, onde pode ser utilizado isoladamente, como destaque também em pátios, mas também é muito utilizado na composição de cercas vivas, formando belíssimos caminhos.

As flores sinos-dourados são originárias do continente europeu, tendo maior facilidade para se desenvolver nas regiões com o clima Tropical, Subtropical, Mediterrâneo, Temperado e Continental. Esta flor costuma ser mais resistente, mas carecem de cuidados específicos para que ela possa crescer. Saiba abaixo como cultivar os sinos-dourados e quando essas flores florescem:

Quando Florescem os Sinos-Dourados:

flor sino dourado

As flores sinos-dourados possuem um ciclo de vida perene, ou seja, têm capacidade para florescerem durante todo o ano, apresentando uma floração mais intensa durante a primavera. Se for cultivada da maneira correta, esta planta pode atingir de 2 a 3 metros de altura, evidenciado um conjunto de flores em formato de cone no tom amarelo intenso.

Para aprender arranjos florais, é necessário algumas aulas e práticas para ter belos arbustos.

Como Cultivar as flores sinos dourados

As flores sinos-dourados crescem em formato de arbusto, logo é recomendado plantá-las em um jardim externo. O ideal é fixar a planta em uma área que recebe a luz solar, pelo menos, 4 horas por dia e tenha meia sombra, além de contar com um solo leve e bem drenável.

Essas plantas crescem em arbusto, podendo ser as suas ramificações manipuladas por filetes, sendo uma dica importante para quem deseja plantar a flor perto de cercas altas. As flores sinos-dourados devem ser regados de forma regular em torno de 2 vezes por semana, mas com cautela para que o a terra não fique encharcada e prejudique a raiz da planta. Também é recomendado enriquecer o solo com matéria orgânica para fortalecer o crescimento da planta para que ela cresça saudável.

babosa

Podemos ter vários benefícios da moringa, aproveitando todas as suas partes; desde a raiz até as suas pequenas flores brancas, passando por sua casca, as sementes e o óleo, e suas folhas, vagens e frutos de excelente e doce aroma. Graças ao grande poder desinfetante do pó de suas sementes, elas são usadas para depurar e limpa já que destrói as bactérias como a E. Coli.

moringa oleifera

Tanto as sementes antibacterianas como suas raízes, suas flores e, sobretudo, suas folhas, conferem propriedades nutricionais, vitaminas, minerais, proteínas e antioxidantes que combatem os nocivos antirradicais livres e o envelhecimento, tanto a nível celular interno como a nível externo.

De fato, já existem no mercado produtos cosméticos à base de moringa orgânica como shampoo e gel faciais e corporais, por sua grande efeito renovador celular. Desconhecemos se esta fonte da eterna juventude, usadas também Fidel Castro em forma de gel facial, além de tomá-la. Quase toda a população cubana tem em seus pátios de uma planta moringa.

E ao tê-la em seus pátios, têm à mão a fonte de nutrição mais completa da terra e um superalimento e poderoso antioxidante natural, com 46 antioxidantes e mais de 90 nutrientes:

  • 4 vezes mais vitamina A que a cenoura
  • 4 vezes mais vitamina C do que as laranjas
  • 17 vezes mais cálcio que o leite
  • 5 vezes mais potássio que as bananas
  • 25 vezes mais ferro do que os espinafres

E, além disso, a planta medicinal é uma importante fonte de magnésio e de energia.

De todas as partes da moringa oleifera, suas folhas são um verdadeiro tesouro de fitonutrientes; são compostos por 25% de proteínas, e contém 18 aminoácidos, incluindo 8 essenciais: arginina, fenilalanina, histidina, isoleucina, leucina, lisina, metionina e triptofano), vitaminas A, do complexo B (incluindo a B12), C, E, K e minerais; além dos mencionados cálcio, potássio, ferro e magnésio, fornecem zinco, fósforo, iodo e selênio.

Uma pequena quantidade das pontas das folhas da árvore de moringa respondem por 23 % do valor diário recomendado de vitamina A e de até 18% de vitamina C.

Além disso, contém compostos anticancerígenos: flavonoides, poderosos como campferol, que também encontramos em uvas, couves-de-bruxelas, brócolis e maçã, ramnetina, também em especiarias como o cravo, e isoquercetina, poderoso anti-rugas e anti-envelhecimento.

Mas ainda falta tempo e dinheiro para o seu estudo e pesquisa, já foram realizados testes de laboratório que confirmam o seu poder e o seu potencial como a medicina do futuro contra o câncer de ovário, fígado, pulmão, e contra o melanoma.

Poder medicinal da planta moringa

A planta pode tratar mais de 300 doenças: anemia, por seu alto teor em ferro, ao diabetes – é hipoglicemiante, regula e reduz os níveis de açúcar no sangue. Mas é necessário advertir que, embora tenha sido utilizado em muitos países para mitigar a fome e a doença, não convém que abusemos porque pode produzir excesso de glóbulos vermelhos.

Também não é recomendado a grávidas ou em período de aleitamento, nem a pessoas que tomem medicamentos que purificam o sangue, nem a pessoas com doenças renais ou com altos níveis de potássio no sangue, ou em jejum por seu potente efeito laxante, nem à noite, por suas propriedades energéticas e estimulantes.

Entre essas 300 doenças que podem tratar e aliviar, demonstrou-se a eficácia da moringa em inflamações, hipertensão, diabetes, colesterol, artrite, reumatismo, problemas de estômago, pressão alta, retenção de líquidos, asma, tosse, bronquite e doenças de rim e de fígado.

Também é usado como esterilizador da pele, para ajudar a curar e cicatrizar feridas e doenças infecciosas, como abscessos, transpiração excessiva, pé-de-atleta e outros fungos.

Tomando as suas sementes, ou suas vagens cozidas -muito semelhantes às nossas feijão, mas com um sabor que lembra os espargos-; as suas folhas, como se fossem espinafres, cruas em saladas ou cozidas; ou de suas raízes, parecidas com as cenouras; ou adicionando ½ colher de chá de moringa em pó na água, leites vegetais, em sumos, batidos, iogurtes ou molhos; ou até mesmo adicionando os seus nutritivas flores em saladas, teremos, entre outros, estes dez benefícios da planta moringa oleifera para a saúde em geral:

  • Fortalece o sistema imunológico.
  • Equilibra o sistema nervoso e aumenta a energia; por isso, e como o café, não é recomendável tomar à noite.
  • Previne infartos e problemas do aparelho circulatório, já que normaliza a pressão arterial.
  • Favorece o aparelho digestivo; melhora a digestão, previne a diarreia e prisão de ventre. E combate as doenças gastrointestinais.
  • Ajuda a depurar os rins.
  • Melhora a visão e alivia problemas oculares.
  • É antidepressivo.
  • É  analgésico.
  • Emagrece, porque reduz o apetite, atua como laxante (não o tome com o estômago vazio, a não ser que queira ir correndo ao banheiro), diurético, depurativo, desintoxicante e queima gordura.
  • E reduz rugas.

Texto retirado do site: Premio Grandes Mulheres e Saude

suplementos

Fisiculturistas estão naturalmente interessados em ganhos e crescimento muscular. Existem cada vez mais novos suplementos todos os dias e cada um deles tem suas próprias vantagens e desvantagens.

Muitos de vocês provavelmente foram vítimas do “produto milagroso que melhora seus ganhos”. Você só pode esperar que o preço esteja justificando as promessas que o fabricante fala, certo?

As empresas usam um truque sujo – relacionando o produto principal a outro, menos importante, que é “usado para melhorar os efeitos” do primeiro. Aqui vai um exemplo: creatina monohidratada combinada com BCAA resultará em melhores ganhos.

Essa é a chave de partida que força os praticantes de musculação a gastarem dinheiro em dois produtos em vez de um. Consequentemente, significa uma venda melhor!

Nós temos testado bastante, tentando encontrar os melhores suplementos alimentares para se obter máximo efeito gastando uma quantidade razoável de dinheiro. Muitos produtos vão esvaziar sua carteira, podem ser prejudiciais à sua saúde e seus ganhos podem não ser o que você esperava. Alguns deles não são superiores nem a uma xícara de café!

Apresentamos-lhe a solução para os seus ganhos enormes: Nossa lista de apenas quatro suplementos essenciais que são dignos de cada centavo. É uma maneira realista de ficar com um shape acima da média!

Listamos quatro dos mais importantes da lista. Você pode aumentar o efeito dos ganhos gastando menos dinheiro! Os outros são completamente desnecessários quando você suplementa esses quatro regularmente.

Pré-treino

Até o campeão tem um dia em que ele não quer treinar. Talvez você tenha tido um dia ruim no trabalho ou não tenha conseguido dormir bem.

Com um bom pré-treino, aspectos mais importantes vão aumentar: motivação, concentração, níveis de energia, um sentimento de força e, claro, melhores ganhos!

músculos

A maioria dos pré-treinos são estimulantes por natureza.

Infelizmente, seu corpo se acostuma com uma substância específica depois de usá-la por algum tempo e, basicamente, você tem apenas duas opções: aumentar a dose ou ciclar as substâncias; e aí recomendamos que você se atenha à segunda opção – pense na sua saúde! Aumentar as doses pode ser perigoso para sua saúde.

Escolha o seu pré-treino e leia os seus efeitos no rótulo com atenção!

Creatina monohidratada

A creatina monohidratada é conhecida como um dos suplementos mais polêmicos, onde acredita-se causar danos ao fígado, rins, intestinos, coração, corrente sanguínea e cérebro. No entanto, isso é mito! Creatina é um dos poucos produtos que tem efeitos comprovados cientificamente!

No entanto, a creatina monohidratada é usada para obter-se mais energia nos músculos e aumentar os efeitos do treinamento.

Ele é usado, geralmente, quando você fica sem o combustível primário, o ATP, que é usado para atividades de intensidade máxima. Você terá resultados melhores com séries mais longas acompanhadas de creatina monohidratada.

Whey Protein

Todo mundo que já entrou em uma academia já viu muitos atletas, mesmo aqueles que treinam só por diversão, tomando este suplemento. Você provavelmente já viu muitas pessoas bebendo o seu shake de whey no final de cada treinamento.

Aminoácidos essenciais são críticos no aumento de poder, força e ganhos, mas também tem um efeito positivo pra manter a massa muscular. Se não sabe qual tomar, confira essa lista de melhores Whey Protein.

Glutamina

O principal objetivo da glutamina é minimizar a degradação muscular e melhorar o metabolismo proteico. De maneira geral, seu intestino e sistema imunológico precisam de glutamina. Fisiculturistas serão mais resistentes à doenças.

Mas preste atenção no outro lado incrível: suas fissuras musculares geradas durante o treino precisam de algum tempo para se regenerar.

Glutamina encurta o tempo necessário para retornar ao estado inicial antes de sua sessão de treinamento!

Ela afeta os ganhos, mas indiretamente, quando o músculo é reparado, ele poderá crescer mais!

Palavra final

Não há necessidade de desperdiçar seu dinheiro em “poções mágicas”. Um bom fisiculturista deve ser informado e manter um treino e suplementação específica.

Não deixe as propagandas enganarem você – todo mundo quer vender seu produto para ser o maior desse mercado. Por isso atenha-se a esses quatros suplementos. Bons treinos!

Cerca de 30% dos idosos sofrem quedas dentro de casa anualmente. É o que aponta o DataSUS, órgão ligado ao Ministério da Saúde. Essas ocorrências tendem a crescer entre as pessoas com mais de 85 anos, podendo chegar até a 51%. Junto com as quedas, os riscos de fraturas também aumentam: de 5% a 10% das quedas resultam em ferimentos mais graves nos idosos.

O número revela que os acidentes domésticos ainda são a principal causa de lesões e traumas na população idosa. Por isso, a prevenção de acidentes domésticos pode ser decisiva para a saúde do idoso. Entre as principais causas de traumas em idosos estão as quedas dentro de casa, que representam cerca de 75% dos casos, segundo o DataSUS.

Em Minas Gerais, por exemplo, o número de idosos acima de 70 anos que chegam ao Hospital João XXIII, da Rede Fhemig, vítimas deste tipo de ocorrência, é alto. De janeiro a outubro de 2013, foram 927 casos, sendo 601 mulheres. De acordo com a gerente assistencial do HPS Vânia Tannure, os traumas mais comuns nestes casos são fraturas no fêmur, punho, tórax e traumatismo craniano, que podem desencadear em outras doenças, principalmente as respiratórias, como pneumonia e embolia pulmonar, pelo fato do idoso ter que ficar imobilizado, sem poder se movimentar.

Caso a pessoa idosa sofra uma queda, o familiar ou acompanhante deve pedir que ela movimente os membros e verificar qualquer reclamação: “Se houver qualquer resposta positiva de dor, dificuldade de movimentação, dor no tórax, movimentação no pescoço, o idoso deve se manter deitado e aguardar pelo atendimento pré-hospitalar”, alerta Vânia.

Prevenção

Cuidados simples em casa podem evitar acidentes. Algumas dicas importantes são manter poucos móveis dentro de casa, não usar tapete, não colocar objetos de uso diários em locais altos, instalar corrimãos nas escadas e evitar pisos escorregadios, especialmente nos banheiros.

Outro problema são as queimaduras, causadas muitas vezes via acidente doméstico. Embora não seja determinada uma conduta específica para pessoas mais velhas que passem por esse tipo de situação, é sabido que os idosos que sofrem queimaduras necessitam cuidados especiais, já que seu sistema imunológico e sensibilidade já não são mais os mesmos de um adulto saudável, e doenças como diabetes dificultam a cicatrização.

Normalmente, segundo o neurologista do Hospital João XXIII, Dr. Rodrigo Faleiro, queimaduras ocorrem por motivos clínicos como diminuição nos reflexos, artrose, e problemas na visão, como cataratas, que contribuem para que a pessoas de mais idade tenham dificuldades ao manusear panelas e outros utensílios de cozinha. A diminuição da sensibilidade para as temperaturas também facilita para que o idoso se queime quando bebe ou come algo quente.

Caso o idoso sofra uma queimadura de pequena extensão, é importante resfriar o local com água corrente. Seque o local com um pano limpo e cubra o ferimento com compressas de gaze. Mantenha a região queimada mais elevada que o resto do corpo, para evitar inchaços. É fundamental também a ingestão de bastante água para hidratação. Não use nenhuma pomada ou produto doméstico na ferida. Em qualquer circunstância, chame o socorro. Abaixo, veja como promover a prevenção de acidentes em idosos dentro de casa:

prevencao

Fonte: https://www.treinart.com.br/

Dado que as boas ereções têm que ver com o fluxo sanguíneo, algumas posições sexuais podem ser mais úteis do que outras para os casais com disfunção erétil (DE).

Aqui você tem uma série de dicas a seguir para ajudar a estimular o seu homem, para que se sinta mais à vontade na intimidade com o senhor, e ambos desfrutem de uma melhor sexo.

Pode ser que você tenha que gastar muito mais tempo com os jogos anteriores e acredita-se fisiologicamente. Teste um aquecimento sexual, uma técnica que ajuda a gerar excitação, mas que, intencionalmente, não conduz ao orgasmo ou a ejaculação. A ideia é que o processo de excitação aumentará a capacidade da pessoa para gerar mais de hormônio sexual testosterona, mais tarde, no dia mais tarde na semana.

Suba em cima

Quando um homem está em cima, de joelhos e de pé durante o sexo, você pode recolher grupos de grandes músculos de suas coxas e glúteos. Isso tende a desviar mais sangue, estes músculos e, de maneira efetiva, rouba o sangue da pelve e o pênis. Tenta mudar as coisas pondo em cima e deixando-o deitado de barriga para cima. Você também pode tentar deitar de lado, seja de frente em forma de colher, para que o sangue flua para sua ereção.

Teste da estimulação oral e manual

Alguns casais acham que dar sexo oral. Ao mesmo tempo, coloca seus dedos na base do seu pênis e adiciona pressão leve: Isso ajuda a estreitar as veias de saída no seu pau, permitindo que mais sangue que entra no corpo cavernoso e esponjoso, permaneça no pau, contribuindo para uma ereção.

Aumentar a variedade

A disfunção erétil é menos problemática quando não se limita às relações sexuais. Por isso é uma boa idéia ter uma ampla gama de atividades sexuais para escolher. O sexo oral, a estimulação manual, os vibradores e outros brinquedos sexuais oferecem muitas opções sexy para você escolher o que não dependem apenas de uma ereção para o lazer.
Por que é preciso apoiar o seu parceiro se você tem disfunção erétil?
Como muitas preocupações sexuais, os problemas erécteis não são apenas um problema dos homens – é um problema do casal. Mas não é seu trabalho para resolver a disfunção erétil (DE) de seu homem por ele, seu apoio e compreensão podem ajudar muito a resolver o problema.

A investigação apoia isso: Em um estudo publicado na edição de novembro de 2009, do Journal of Sexual Medicine, os pesquisadores descobriram que os homens eram mais propensos a procurar ajuda para a disfunção erétil, se os seus pares femininas estavam satisfeitas com a relação antes do início da disfunção eréctil e tinham uma atitude positiva sobre o tratamento.

O que fazer se o seu parceiro perde a ereção de forma rotineira

Se o seu parceiro perde a ereção de forma rotineira, lembre-se em primeiro lugar que a resposta sexual é uma combinação de manter o gás (dando uma boa estimulação através de todas as modalidades sensoriais, incluindo a emoção e a imaginação e o uso de power blue) e tirar o pé do freio (eliminando as ameaças de todo o tipo).

Assim que, quase sempre, a disfunção erétil não se trata de um fracasso da estimulação, mas uma superabundância de ameaças, muitas vezes na forma de estresse, ansiedade, depressão , neste caso, um histórico recente de trauma.
Portanto, a solução para a disfunção erétil, assumindo que é psicogénica e não fisiológica, não consiste em mudar a estimulação. Em vez disso, para confrontar a DE se trata de eliminar todo o tipo de ameaças.

Esta combinação de realidades que não se trata de estimulação e trata-se de ameaças – nos diz que o pior que você pode fazer é interpretar como algo pessoal, julgar, responsabilizá-los, preocupar-se, de qualquer maneira. Se é problemático a partir do seu ponto de vista, torna-se uma fonte de ansiedade, que é o oposto da excitação.

Você pode sentir como um fracasso que se inclinarias a interpretar como algo pessoal. Não faças isso. A sua atitude deve ser de curiosidade e otimismo sobre as coisas que você pode fazer sem uma ereção.

Texto retirado do site https://www.artesdecura.com.br/

Atualmente, os tratamentos de quimioterapia e radioterapia são os mais aceitos para tratar os doentes com câncer, mas um composto simples, o ginseng panax, coloca de novo a esta raiz na mesa de análise, de acordo com os resultados de um novo estudo que lhe atribui benefícios.

Os cientistas, que publicaram suas descobertas na revista do Instituto Nacional do Câncer e no site Saúde Bio, disseram que encontraram que os pacientes e os sobreviventes que se sentiam cansados ou fracos, disseram que sentiram-se substancialmente melhor depois de dois meses de receber um suplemento de ginseng.

“Quase todos os pacientes com câncer sofrem de fadiga em algum momento, seja no momento do diagnóstico, durante o tratamento e mesmo após o tratamento, e este cansaço pode persistir por vários anos”, disse a principal autora do estudo Debra Barton, da Clínica Mayo, em Rochester, Minnesota.

“O tema da fadiga relacionada com o câncer é que pode ser uma fadiga profunda que não se alivia com o sono ou repouso, e que pode afetar significativamente a capacidade das pessoas para conseguir as coisas que você faz todos os dias”, disse.

Os pesquisadores adicionaram-se que estudos sobre o ginseng haviam entregado resultados promissores para a fadiga anteriormente.

Os pacientes com câncer e sobreviventes com fadiga tendem a recorrer a esse e outros suplementos dietéticos, tais como a coenzima Q-10, L-carnitina, guaraná e tribulus terrestris mas nem todos são apoiados por provas.

Benefícios do Ginseng Panax

Para ver mais de perto os benefícios do ginseng panax, Barton e sua equipe dividiram 364 pessoas com a fadiga relacionada com o cancro em dois grupos. As pessoas em um grupo tomou 2.000 miligramas de ginseng por dia, durante oito semanas, os que no outro grupo tomaram cápsulas de placebo.

Os pesquisadores disseram que os participantes relataram como estavam experimentando a fadiga em um questionário especializado. Os cientistas, em seguida, observaram suas respostas em uma escala de 100 pontos, as pontuações mais elevadas indicam sentimentos de ter mais energia. Ambos os grupos participantes começaram com uma pontuação média de “40”3.

Oito semanas depois, no entanto, o grupo que recebeu ginseng reportou um aumento de 20 pontos na sua pontuação, em média, em comparação com um aumento de 10 pontos para o grupo que recebeu um placebo. Isso é mais que suficiente para notar a mudança na vida cotidiana.

Os pesquisadores disseram que 364 pessoas participaram do estudo, em primeiro lugar, mas 80 o abandonaram antes do final de oito semanas. No entanto, as taxas de abandono foram semelhantes em cada grupo, pelo que os resultados não são muito afetados, disse Barton.

Além disso, os efeitos colaterais do tratamento do câncer, como náuseas, vômitos e ansiedade não eram mais comuns entre aqueles que tomaram ginseng.

“O ginseng é interessante, já que atua sobre a inflamação, e acreditamos que a inflamação explica a fadiga relacionada com o câncer“, disseram os pesquisadores.

Com este treinamento queimar mais calorias a cada vez que você trabalha seus músculos abdominais, ajudando a reduzir a gordura da barriga mais rapidamente.

Faça estes exercícios como rotina de exercícios aeróbicos, como complemento de um treinamento de força até 4 vezes consecutivas por semana, para obter resultados six-pack com suplementos emagrecedores a base de colágeno hidrolisado como colastrina e outros.

E, é claro, não se esqueça de acompanhar o treinamento de uma dieta saudável e equilibrada, para obter melhores resultados.

Exercício 1: homem-Aranha com salto

Ativa seus músculos abdominais e queima algumas calorias extra com este exercício de cardio que simula estar escalando”. Começa com os pés juntos e os braços estendidos acima da cabeça. Começa a fazer os movimentos sem se deslocar do site: separa bem os joelhos e, enquanto carrega para cima joelho direito, acompanhando do braço direito. Em seguida, repete-se o mesmo com as pontas esquerdas.

Alterne os lados o mais rápido possível em um máximo de 60 segundos. Se achar muito complicado, começa apenas com o movimento de pernas, já que os abdominais também têm que trabalhar duro para trazer os joelhos para os lados do tronco.

Exercício 2: Squads

Este exercício dinâmico centra-se na parede abdominal e os oblíquos, ao mesmo tempo em que mantém o ritmo cardíaco elevado. Começa com uma postura de ferro, com os pés juntos, os ombros, sobre as mãos, e contraindo o abdômen.

Realiza um salto mantendo os pés juntos, para o joelho direito, a cada vez que você gira os joelhos para o mesmo lado. Rapidamente, volta para a posição inicial com um salto (isso é uma repetição) e repita alternando de um lado e do outro, um total de 20 vezes.

Se estiver muito difícil, em vez de saltar com os pés juntos até onde está cada mão, pisa rápido primeiro com um pé, e depois com o outro, até que esteja preparado para fazê-lo completo.

Exercício 3: Kickboxing – mãos ao joelho

Este movimento inspirado no kickboxing ajuda a reduzir e fortalecer a linha da cintura, mantendo o ritmo cardíaco, na zona de queima de gordura. Fique de pé sobre a perna esquerda, com a perna direita estendida para o lado e faça um leve toque do pé direito contra o chão, cada vez que estende os braços por cima da cabeça.

Com o abdômen contraído, dobre o joelho direito e leve-a para o seu ombro esquerdo, uma vez que baixas os braços para depositar as mãos sobre a coxa direita. Rapidamente, volta para a posição inicial e repete o mais rápido possível, durante 30 segundos, e depois muda de lado, e repete-se por mais 30 segundos.

Você quer fazer isso mais difícil? Faça o mesmo, mas com um salto, de forma que até mesmo incrementas ainda mais o ritmo cardíaco para obter uma maior queima de gordura.

Exercício 4: Saltar em uma perna

Essa variação do exercício de sapo é um desafio cardiovascular adicional para os músculos abdominais, que só consiste em remover uma perna.

Começa com a posição de prensa e dobre o joelho direito, cerca de 90 graus, levantando para o telhado o pé direito. Flexiona a perna esquerda e salta com o pé esquerdo em direção ao centro, levando ambos os joelhos para o peito, mas mantendo o pé direito no ar. Com um salto, volte à posição inicial. Isso é uma repetição.

Faça 10 repetições o mais rápido possível e depois muda de pé e faça outras 10 repetições. Se estiver muito difícil, faça o sapo tradicional, com os dois pés juntos, até que você se senta com força suficiente para fazer esta variante.

Exercício 5: Combo boxer

A rotação do corpo a um ritmo acelerado, seguido de um movimento de agachamento, ou seja, no que consiste este exercício, é uma forma de esgotar abdominais enquanto aceleras o bombeamento de seu coração ao mesmo tempo.

Começa colocando os pés a uma distância ligeiramente mais larga do que os quadris, com o pé esquerdo frente e a direito para trás. Dobre as cotovelo, e com as mãos, com os punhos fechados e a altura do queixo, lança um golpe com o braço esquerdo à altura do ombro, girando a palma da mão para baixo (evite bloquear o cotovelo).

Depois, volte imediatamente o braço à posição inicial e faça o mesmo com o braço direito, mas desta vez, levanta um pouco o calcanhar direito no chão, como se pivotaras sobre ele, e ele acompanha o golpe com uma rotação de quadril.

Volte para a posição inicial, e rapidamente ponte de cócoras, mantendo os braços em guarda e com a coluna reta e os joelhos atrás dos dedos dos pés. Isso é uma repetição. Repita quantas vezes puder durante 30 segundos, e depois muda de lado e repete, desta vez com a rotação do quadril para o outro lado.

Exercício 6: Ferros com chute lateral

Constrói agilidade e coordenação com este exercício que combina cardio e força para seus abs. Ponha-se em posição de ferro, contraindo o abdômen. Mova o pé esquerdo para fora, de forma que a ponta do pé, olhe para a parede que fica à sua esquerda, e depositar o peso de seu corpo e gira sobre ele, uma vez que sua perna direita, passa por baixo e acabou dando um chute para a esquerda.

Para isso, você terá que levantar a mão esquerda do chão. Volte para a posição inicial, mantendo sempre os abdominais apertadas.

É um pouco complicado de entender, não? Por isso melhor, veja o vídeo. Apesar de que no filme, repita o exercício para o mesmo lado algumas vezes, nós iremos alternando de um lado e outro, até um total de 10 repetições para cada lado. Faça-as o mais rápido que puder.

Exercício 7: Jumping jack para cima e para baixo

Os famosos saltos, levados a outro nível, literalmente. Fique de pé com os pés juntos e os braços para os lados. Dobre os joelhos e coloque rapidamente em cócoras no chão, colocando as mãos na linha abaixo dos ombros e com um salto, ao mesmo tempo, solta as pernas para trás, em posição de prancha.

Mantenha os abdominais apertadas e, com um salto, sem abandonar a postura, abre e fecha as pernas 4 vezes. Em seguida, com outro salto, sobre os pés, as mãos.

Repete-se tantas vezes quanto você pode em um minuto.

Fonte para mais exercícios e saúde: https://www.canalminassaude.com.br/

Para entender a importância das emoções, e sua influência no aprendizado, eu gosto de colocar o exemplo de uma pequena frota de barcos de pesca, realizando o seu trabalho diário na superfície do mar. Neste comparação, a eficiência dos barcos de pesca, fará referência à eficiência durante o processo de aprendizagem das crianças, e o estado do mar, fará referência ao estado emocional destes.

Embora não sejamos especialistas no mundo da pesca, todos nós sabemos que estes barcos de pesca seriam muito mais produtivos nos dias em que a superfície do mar está calmo. Podemos imaginar, flutuando sobre as plácidas águas, as quais por baixo da sua superfície, os peixes nadariam de forma pacífica, e seriam presa fácil para os pescadores. Pelo contrário, sabemos que, se os mesmos barcos de pesca, mandando-os sair para o mar em uma jornada em que as águas estão muito agitadas, as embarcações não teriam estabilidade, poderiam colidir umas com as outras, e para piorar os peixes se moveria a grande velocidade e de forma caótica sob as águas. Com total segurança, os pescadores acabariam esgotados, o que dificilmente poderia ser um dia produtivo.

Às vezes, encontramos dificuldades de aprendizagem em algumas crianças, e pensamos que o problema está em seus processos cognitivos, em que a forma de explicar seu professor não é eficaz, as inúmeras deficiências do sistema educacional. E é verdade que todos estes elementos podem ter certa influência, mas também é possível que nenhum deles seja realmente determinante. Talvez o problema seja que nós estamos tentando realizar a pesca no epicentro de um tsunami!

Como diz Javier Sierra do site Sbad2018, o primeiro defensor do menor da Comunidade de Madrid, as emoções são um material inflamável”. Nosso estado emocional é determinante na hora de encarar qualquer aspecto de nossa vida. Sabemos que quando não temos um certo estado emocional, a maioria dos aspectos que compõem a nossa realidade parecem não funcionar, já que nossas emoções determinam a qualidade de nossas escolhas, de nossas relações, e, além disso, influenciam em qualquer processo cognitivo, quer de carácter linguístico, matemático, artístico….

Os adultos, em determinadas ocasiões, o nosso estado emocional se nos afigura de uma forma instável, gerando confusão e ansiedade. Pois imagine-se em uma criança!

Devemos tomar consciência de que, fazendo referência ao fac-símile acima, o mais provável é que a maioria das crianças fazem sua jornada de pesca em um mar bastante movimentado. Se é verdade que a capacidade de aprendizagem de uma criança é muito maior do que a de um adulto, devido à maior plasticidade cerebral nessas idades, também o é que eles têm uma capacidade muito mais limitada do que a de um adulto de gerir as suas emoções. O que passa muito tempo com crianças sabe. Em um período de tempo relativamente curto, mudam seu estado emocional com muita facilidade: rir, ficar com raiva, querem jogar, se cansar desse jogo e mudam, chorar, assustado, voltam a rir, discutem…

Imagine ter que aprender tudo o que se tenta incutir em casa, na escola, nas aulas de inglês, no clube de atletismo e no conservatório, com um estado emocional que parece uma manada de cavalos impiedosos!

A IMPORTÂNCIA da Educação EMOCIONAL

Hoje sabemos que receber uma educação adequada é essencial para qualquer indivíduo. Antigamente pensava-se que o talento de cada indivíduo era algo inato, mas agora sabemos que isso não é necessariamente assim.

O filósofo especializado em educação José Antonio Marina , nos diz que o talento podemos defini-lo como a capacidade de escolher bem as nossas metas, e mobilizar os conhecimentos, as emoções e a vontade necessárias para enfrentar os obstáculos que encontramos no caminho que devemos percorrer para alcançá-los. Atendendo a esta definição, podemos verificar que uma adequada gestão das nossas emoções ( da criança), é essencial para alcançar os projetos que nós podemos dizer.

O teste da guloseima: nos anos 60, o psicólogo Walter Mischel, realizou um experimento, no qual levou a várias crianças, de forma individual, em uma sala onde havia uma guloseima, e lhes dava a instrução de que, se resistir a tentação durante quinze minutos, passado este tempo, podem comer dois guloseimas. Houve algumas crianças que comeram o doce antes do tempo estimado, e outros que aguentaram os quinze minutos e receberam sua recompensa.

O interessante deste teste é que, posteriormente, deu seguimento às crianças que participaram até que se tornaram adultos. E verificou-se que aquelas crianças que tinham conseguido conter seus impulsos de comer o doce antes do tempo acordado, durante a sua vida foram mais capazes de perseverar em alcançar seus objetivos profissionais, eram menos propensos a cair em depressão, tinham vidas mais estáveis e desfrutavam de relações mais duradouras.

Concluindo, poderíamos dizer que esses filhos lhes foi ainda melhor do que aqueles que obtiveram melhores escores nos testes de inteligência convencionais, mas que não tinham sido capazes de controlar seus impulsos diante da doce tentação da guloseima.

É por essa razão que devemos tomar consciência da importância de educar as emoções para onde vamos as nossas emoções sempre vêm com a gente. Sempre que tomamos um novo projeto, olhemos qualquer meta ou objetivo na vida, as nossas emoções podem ser a melhor ferramenta para obtê-lo, um obstáculo intransponível que nos impedem de avançar.

Na minha opinião, a Inteligência Emocional e as competências sociais, devem fazer parte do processo educativo convencional e fazer parte do trabalho desenvolvido em sala de aula. Para isso, considero que seria necessário que se elaborem conteúdos específicos para estas matérias e que elas não se limitem a fazer parte do chamado “currículo oculto”, já que, às vezes, de tão oculto que se encontra não chega a ver a luz